quarta-feira, 30 de julho de 2008

Pensamento da semana

Em jeito de despedida...

«Não conseguimos mudar o passado, mas podemos construir o futuro com nossos actos de hoje... o sucesso do CORO DE PAIS depende da grande dedicação.»
Branca Ribeiro

«Vamos até ao infinito com a nossa vontade.»
Paula Soares

O meu obrigado
O ano lectivo terminou. Foi grande a minha satisfação pelo trabalho realizado. Foi um ano onde eu cumpri «ameaças» idealizadas quando entrei (1984/85) para o Conservatório Regional de Guimarães. Sinto cada vez mais que a escola de música se renova com a minha forma de estar e questionar a «escola e a música», e isto deixa-me bastante satisfeito com a sensação de ir cumprindo um dever para bem de todos. Não pretendo fazer, aqui, qualquer balanço pois isso já foi objecto de análise nos nossos encontros semanais contudo, não posso deixar passar em claro que todo este trabalho encontrou terra fértil numa Comissão de Pais e Coro de Pais que foram a plataforma de lançamento para a realização destas ideias. Foram eles que acolheram de bom grado estas ideias e me ensinaram a construir todas as semanas a vontade de continuar, ir mais além. Foram eles, com a sua paciência, que me ouviram vezes sem conta a falar destas questões que me dão muito prazer; e são eles hoje, que aproximam a comunidade educativa no sentido estreito e dialético - pais e encarregados de educação e alunos - tão enfatizada no nosso Projecto Educativo. E, claro, são eles que proliferam pensamentos tão bonitos como os que se encontram no início deste comentário que me encorajam, emocionam e estimulam a vontade e a confiança. Frases e actos, pequenos gestos de ternura com um grande significado que ficarão guardados no meu coração. Espero no próximo ano lectivo ser capaz de devolver tamanha gratidão.
Umas boas férias para todos!!!
António Pacheco

terça-feira, 15 de julho de 2008

Pensamento da semana

«Ó meu caro vamos lá pôr os pontos nos ii
de quem são os campos deste país
de você que diz que são seus porque os herdou
ou da gente que neles sempre trabalhou.»

Sérgio Godinho

terça-feira, 8 de julho de 2008

Pensamento da semana

«Partiras ainda há pouco, quando senti como não gostava que partisses.»
Jacinto de Magalhães in Um Momento Antes